02 maio 2017

Resenha: Amor Imortal - Obsessão

Livro: Amor Imortal - Obsessão (Amor Imortal #1)
Autora: Halice FRS
Editora: Ler Editoral
Páginas: 375

Sinopse: Qual a razão de ter vida eterna quando a existência é vazia?

Ethan McCain resolveu a questão retomando sua antiga profissão de advogado criminalista.
Convivendo entre os humanos, servindo-os e servindo-se deles, conseguia alguma diversão.
Boêmio, mimado e egoísta, o vampiro segue livre em sua farsa pelas ruas de Nova York.
McCain acreditava ter tudo, merecido ou desejado, até encontrar Danielle Hall no Central Park, sozinha e desprotegida. Atraído por tão excitante odor ele a segue, decidido a conquistá-la, seduzi-la e descartá-la.
O que o vampiro não previa era que naquela mesma noite um inimigo o espreitava, disposto a destruí-lo, e que a frágil humana carregava o símbolo de sua derrota.
A partir daquele encontro Danielle virou sua obsessão, mas também seria sua perdição.





Olá gente, terminei essa leitura com sentimentos dúbios, pois virei fã da escrita da Halice quando ela escrevia fanfics de Crespúsculo e desde então tenho lido todos os seus livros e me apaixonado por todos de uma forma ou de outra, mas esse ainda não. Digo ainda porque a escrita dela está maravilhosa como sempre, e esse é o primeiro de uma série de 04 livros o que me dá a entender que ainda há tempo de redenção rs

O livro conta a história de Ethan McCain, e logo no prólogo somos apresentados a ele em 1842, como um jovem mimado e egocêntrico, que em uma viagem ao Brasil com o seu pai conhece duas mulheres que na verdade são vampiras que acabam o transformando. Para a surpresa delas, sua primeira ação como vampiro é as matar e assim iniciar sua nova “vida”.

Se como humano ele já não era a melhor das pessoas, imaginem após herdar a fortuna do pai e ter a imortalidade ao seu favor. Ele passa a ter poderes sobrenaturais e acha que não pode ser contrariado e tem direito a tudo o que quer e quando quer. Seu único amigo é Thomas, com quem cresceu junto a com o tempo também o transformou, e apesar de serem diferentes, nunca mais se separaram, mesmo quando seu amigo conheceu Joly, sua amada companheira. Por influencia de seu amigo, parou de matar aleatoriamente e como um advogado com um escritório bem sucedido passou a matar a “escória” da sociedade mas continua manipulando os humanos deliberadamente. Ele realmente é um vampirão.

Em uma noite de caçada, ele se encanta pelo cheiro de uma humana, Danielle Hall. Uma jovem jornalista recém-formada, ambiciosa que está em período de experiência em um bom jornal. Ela namora há três anos com Paul, por quem é apaixonada e por mais que ele queira casar em breve, ela ainda não se sente pronta para dar esse passo pois quer focar na carreira. Paul também é um bom advogado e admira o trabalho de Ethan, mas nem imagina que o mesmo ficou obcecado por sua namorada e após conhecê-lo, seu desejo é matá-lo para deixar o caminho livre. Só não o faz graças ao seu amigo Thomas e sua companheira Joly, que tentam frear suas atitudes impensadas.
"Danielle poderia correr, mas toda forma de fuga seria inútil para ela. A humana foi escolhida, não tinha para onde ir, não tinha onde se esconder."
Como vampiro todos os sentimentos tornaram-se mais intensos, e ao conhecer Danielle, ou Dana com os amigos a chamam ele se apaixona a primeira vista, mas não consegue reconhecer isso. E assim começa a sua obsessão. Ethan passa a segui-la, não consegue mais se satisfazer com outras mulheres, e sente ódio do relacionamento dela com Paul. Sua obsessão começa a fazer Dana achar que está ficando louca. Tê-la em sua vida passa a ser tão necessário, que mesmo querendo fazer as coisas certas, o desespero o leva tomar medidas que achei absurdas, agindo como ele sempre agiu pensando apenas em si. 


"Era como se tivesse começado a viver no dia em que cruzou com ela no parque. Naquele momento, todas as décadas passadas, por encanto, desapareceram."

A Halice ao meu ver, teve a intenção de mostrar os vampiros da forma mais “real” possível. Ethan é um exemplo disso lindo e sedutor, porém cruel e arrogante. Ainda não cai de amores por ele, nem por Dana que com certeza ainda tem muito a mostrar, mas estou viciada em mais uma série sobrenatural graças a Halice FRS que além de deixar em aberto como será o futuro dos dois, ainda nos deixou um mistério para também ser desenvolvido nos próximos volumes. 


"Seu coração lamentava por Paul, seu corpo clamava por outro."

Ethan pode não nos conquistar nesse primeiro livro, mas não teria tanta graça se fosse mais um vampiro maravilhoso com um romance proibido com uma humana, para mim isso foi refrescante e com certeza quero ver como ele vai agir a partir de agora e quem possivelmente está tentando se vingar dele, pois imagino que o responsável pelo mistério do livro seja alguém do seu passado. 

"Danielle era sua promessa de paraíso em meio ao inferno."

9 comentários

  1. Oi, Helyssa!
    Faz tempo que não leio livros sobre vampiros. Esse parece ser bom.
    Só espero que tenha um triangulo amorosos chato. :P
    Vou procurar saber mais sobre o livro.
    Obrigada pela dica!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  2. Oii! Já gostei logo de cara desse livro, vampiros são os meus seres sobrenaturais preferidos desde que eu era pequena haha. Adorei o fato do Ethan ser um vampiro cruel e fazer sempre o que ele quiser sem ligar para as consequências. Amei a sua resenha, fiquei bastante curiosa com a história e já quero saber quem é o personagem que quer se vingar do Ethan e como essa história irá terminar. Já vou adicionar esse livro a minha lista, bjss!

    ResponderExcluir
  3. Oie! Tudo bem?

    Não conhecia esse livro, mas com certeza já me interessei por ele! Vampiros, amo demais e qualquer história envolvendo eles, é um prato cheio para mim! Espero poder realizar a leitura dessa história muito em breve!

    Bjss

    ResponderExcluir
  4. Oi, Hely!
    Caraca, eu nunca tinha ouvido falar desse livro, mas só pelo que você mostrou nessa resenha, me encantei. Espero ter a chance de conferir essa obra algum dia! Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  5. Olá! Poxa, esse livro eu passo, não curto livros com vampiros rs. Mas eu gostei da sua resenha e percebi que você curtiu e muito o livro. Fora isso, está show o seu blog, aproveitei pra ver outros posts hehehe.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Adoro histórias com vampiros, mas confesso que não leio muitas em que eles são os vilões. Não conhecia esse livro ainda, pelo que contou, eu não gostei dele e nem de suas atitudes. Por isso irei aguardar as resenhas dos próximos volumes para ver se irei gostar da série como um todo. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá! Sempre tive dificuldade com livros sobrenaturais e vampiros não estão entre os meus favoritos. Ainda tenho uma série pra ler e não vou me comprometer neste momento com outra. No entanto, é animador saber que temos autoras nacionais desenvolvendo tramas neste estilo. Desejo sucesso à Halice nesta jornada e que muitas pessoas aproveitem e se divirtam com a série. Abraços!

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem?

    Nunca li nada dessa autora, apesar de ver o nome dela e de seus livros por aí.
    Achei interessante esse livro, pela questão de que você destacou, de não ser mais um romance onde o vampiro é "castrado" - digamos assim - após conhecer a mocinha. Dica anotada!

    Beijo!

    ResponderExcluir

© BLOG TELL ME A BOOK- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por