18 dezembro 2017

Resenha: Sempre Foi Você

Livro: Sempre Foi Você
Autora: Carrie Elks
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 312

Sinopse: “Richard, nós tivemos um bebê”.
Londres, 31 de dezembro de 1999. Aos 17 anos, a britânica Hanna Vincent conhece o americano Richard Larsen: um estudante rico, encantador e sedutor que vai virar seu mundo de ponta-cabeça. Um relacionamento entre eles é improvável, já que vivem em mundos completamente diferentes. Mas aos poucos uma grande amizade vai surgindo e leva os dois a uma relação explosiva, cheia de paixão, amor e aventura.
Emocionante e comovente, Sempre Foi Você é uma genuína história de amor. Você daria uma segunda chance ao amor da sua vida?



“Sempre Foi Você” é o primeiro livro da autora Carrie Elks publicado no Brasil pela Editora Universo dos Livros. O livro tem essa capa encantadora, uma diagramação simples que a meu ver combina com a historia, com linhas espaçadas e o tamanho das letras é confortável além das paginas amareladas. 

Quando vi a capa do livro pela primeira vez em mãos imaginei uma história de amor, que somada a sinopse seria meio clichê. Mas o livro é mais que a capa e a sinopse. É uma historia de amor sim, mas seu único obstáculo não será apenas a distância, não teremos um vilão característico, a história é completa. Cada capitulo é precioso para conhecermos mais e mais Richard e Hanna.


" Saber que ele estava tão perto e tão longe ao mesmo tempo doía demais, uma sensação só amortecida pela rendição ao sono."

Cada capítulo tem como título a data que será passado.  Após a revelação bombástica no prólogo, o livro volta no tempo para a história desse casal nos ser contada em terceira pessoa. Cada momento, escolha, pensamento importante para a história deles chegar aonde chegou.
"Ela não parecia uma outra amiga qualquer, no entanto. (...)Ela parecia a Hanna que ele conhecia, a que babava nele em parques e que flertava com ele em festas. Parecia a Hanna dele."

Eles conheceram-se jovens e não cederam a atração logo de cara, a amizade veio
primeiro, e apesar de achar que essa mudança no tempo em cada capítulo fosse me roubar fatos importantes sobre eles, isso não ocorreu. A cada virar de pagina eu estava presa a aquele momento e querendo saber mais.

A vida acontece, e a autora soube destacá-la na vida de ambos, errar faz parte e perdoar também mas o principal nesse livro para mim foi o amor. Sem ele nada teria valido a pena e eu não precisaria de dois dias para segurar meus suspiros e fazer essa resenha.
"Lembro de cada minuto, Hanna. É você que me faz perder a cabeça."

Virei fã da autora com essa história e espero poder ler muito mais. Quem ama uma linda historia de amor, sorrir com um livro, suspirar e ficar penando sobre o livro mesmo após o virar da última página deveria ler Sempre Foi Você.  

12 comentários

  1. Toda boa história de amor sem fim é bem vinda. Tudo bem que o enredo é meio clichê, mas o amor é exatamente isso, então adoraria saber o desfecho de Richard e Hanna.
    Sempre é bom sorrir e suspirar com a leitura, a torna ainda mais agradável e envolvente. Dica notadinha.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oiee ^^
    Eu adoro romances, e uma vez quase comprei esse livro numa promoção (mas ele havia esgotado). Ainda assim, tinha medo de que fosse só mais um romance em que os personagens tivessem que enfrentar um ex ou uma ex querendo voltar, ou que alguém tentasse assassiná-los no final. Cansei de premissas assim...haha' Fico muito feliz em saber que estava errada <3
    Espero que a editora lance mais livros da autora por aqui, fiquei animadíssima para me apaixonar por esse livro!
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?

    Acho que já vi esse livro, mas não me lembro muito bem agora. O enredo parece ser bem legal, gostei da premissa e até fiquei com vontade de ler. Mesmo parecendo ser clichê, não me importo muito, contanto que o livro seja bom. Dica anotada!

    ResponderExcluir
  4. Awn, adoro histórias assim! Já imaginei um filme na cabeça, aqueles bem comédia romântica da netflix, haha. Adoro histórias assim pra destoar um pouco de histórias mais pesadas, então, é uma leitura que com certeza irei fazer quando tiver a chance

    ResponderExcluir
  5. Ai nem sei o que te dizer. Acho que precisava de um pouco mais da história, mas só pela questão de saber se eu daria uma segunda chance para o amor da minha vida? Eu me pergunto isto todos os dias. Então acho que esta história seria bem para mim sobre esta questão.

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Eu não li nada da autora e nem conhecia o livro, ele parece ser um romance bem legal e bem construído.
    Já li livros que tem mudanças temporais, e para mim, chega a ser até melhor. E pelo que você disse, a autora soube fazer bem essas mudanças.

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Não conhecia esse livro parece uma história bem bonita,uma história de romance sobre o amor.Gosto livros que mostram o passado e o presente,não seria um livro que eu iria colocar lá em cima na minha lista,mas seria uma boa leitura.
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Oiii tudo bem???

    Já conhecia o livro, mas nunca bateu aquela vontade imensa de ler, mas com sua resenha até que estou mudando de ideia, apesar de não ser muito fã de romance.
    Adorei conhecer mais um pouco da história.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  9. Oi!

    Esse livro me parece ser fofíssima, daqueles que deixam a gente com o coração quentinho. Eu não conheço a autora, então não posso falar nada sobre ela, mas pelo o que eu li, ela me pareceu saber o que estava escrevendo e como amarrar a história. Anotei a dica :)

    beijos!

    ResponderExcluir
  10. Já ouvi muitos elogios para este livro e quero muito conhecer este romance porque tenho certeza que vou amar do começo ao fim.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi Helyssa,
    não conhecia este livro e apesar de ter achado a história bem clichê, percebi em suas impressões que a autora soube conduzir bem a trama ao ponto de envolver e cativar o leitor, fiquei até com vontade de ler, mas nada urgente, sabe? Se a oportunidade surgir, darei uma chance.

    Abraços!
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
  12. Eu li esse livro em 2016 e não achei a leitura tão interessante, pra mim foi mais daqueles livros para distrair e passar o tempo sabe, mas que bom que você foi cativada pela história ;)

    ResponderExcluir

© BLOG TELL ME A BOOK- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por