18 janeiro 2018

Resenha: Bossman

Livro: Bossman (Dirty Office Romance #1)
Autora: Vi Keeland
Páginas: 319
e-Book Amazon

Sinopse: A primeira vez que encontrei Chase Parker, eu não fiz exatamente uma boa impressão. Eu estava escondida no corredor do banheiro de um restaurante, deixando uma mensagem para minha melhor amiga me salvar do meu terrível encontro. Ele ouviu e me disse que eu era uma cadela, então começou a me oferecer alguns conselhos de namoro. Então eu disse a ele que se importasse com o seu próprio negócio ― seu próprio negócio alto, lindo e cheio de si mesma ― e voltei para o meu miserável encontro. Quando ele passou pela minha mesa, ele sorriu, e eu assisti sua bunda arrogante e sexy voltar para o seu encontro. Não pude evitar dar umas espiadas no idiota condescendente do outro lado do salão. Claro, ele me pegou em mais de uma ocasião, e piscou. Quando o lindo estranho e seu encontro igualmente quente apareceram de repente em nossa mesa, pensei que ele iria me dedurar. Mas, em vez disso, ele fingiu que nos conhecíamos e se juntou a nós ― contando histórias elaboradas e embaraçosas sobre nossa falsa infância. Meu encontro subitamente passou de chato para bizarramente emocionante. Quando acabou e nos separamos, eu pensei nele mais do que jamais admitiria, embora eu soubesse que nunca iria vê-lo novamente. Quero dizer, quais eram as chances de eu encontrá-lo novamente em uma cidade com oito milhões de pessoas? Então, novamente... Quais eram as chances de um mês depois ele acabar sendo meu novo sexy chefe?


Português  / English 

Oi gente, tudo bem com vocês? Hoje eu vim falar um pouco sobre esse livro, que eu não sei porque eu demorei quase dois anos pra ler. Que vergonha! Bossman foi lançado em 2016 e eu resolvi pegá-lo para ler porque eu estava empacada na minha outra leitura. Como sempre, Vi Keeland com o seu bom gosto nos trouxe essa capa com esse modelo lindo que de praxe é brasileiro. Sem mais delongas, vou contar um pouquinho pra vocês do que eu achei da Reese e do Chase.

O livro é situado em Nova York, e começa de um jeito um tanto engraçado, quando Reese, está em um encontro terrível onde o cara só sabe falar na mãe dele (não queremos ouvir falar de mãe, ainda mais no primeiro encontro, não é?), e em um "grito" de socorro ela liga para sua melhor amiga, Jules, afim de pedir a ela que ligue fingindo uma emergência e ela possa ir embora sem ser rude, mas Jules não atende o telefonema. Quando Reese está terminando seu recado na caixa postal, um desconhecido aparece a dizendo que sua atitude é esnobe. Só sei que Reese entra em pânico quando o desconhecido aparece em sua mesa com seu encontro platinado, fingindo ser amigo de infância de Reese e inventa cada história de matar qualquer um de vergonha.

As coincidências não param por ai. Acontece que Chase, o desconhecido, esbarra com ela em mais alguns outros lugares, e ela nunca está sozinha, e na segunda vez que isso acontece ele vira um primo muito querido dela e por aí vai. E as conversas deles, é uma coisa bastante engraçada 😂.

Chase Parker é um cara comum, só que com seus demônios. Demônios que o assombram até os dias atuais, dificultando que ele tenha um relacionamento mais sério com alguém. Ele pode ser mulherengo, mas é um gênio quando se trata de produtos femininos e é CEO de uma grande empresa na qual, Reese irá trabalhar com marketing. A atração entre eles dois é palpável, e o tempo todo Chase provoca Reese, mas ela não se relaciona com ninguém do trabalho devido à problemas passados em sua antiga empresa. Chase sente algo por Reese que ele mesmo tem medo de admitir, mas eles vivem como cão e gato, o tempo todo correndo um do outro (mais ela do que ele na verdade). Será que Reese vai conseguir resistir aos poderes do chefe do chefe dela? E será que Chase irá conseguir finalmente se livrar dos demônios que o perseguem, principalmente quando ele fecha os olhos?
"Você tem meu coração. Prometa que vai mantê-lo seguro."
"Só se você me prometer nunca me devolver."
Bossman é um livro em primeira pessoa, que alterna a narrativa entre os dois personagens principais, e alguns capítulos Chase volta há alguns anos no passado mostrando o que o destruiu para o amor. Nos mostra que não importa os seus medos, você uma hora irá ter que enfrentá-lo e principalmente sobre segundas chances no amor. Você precisa se reerguer e fazer com que o seu problema, não seja mais um problema. Vi Keeland soube dosar as partes engraçadas, as partes quentes e até as partes onde o drama surge. Nada foi demais, tudo no ponto certo. Espero que possam dar uma oportunidade a leitura, ainda mais se você lê em inglês ou arranha, essa é a hora de ler esse romance! Beijos 😗


Português  / English 

Hi guys, how are you? Today I came to talk a little about this book, which I do not know because it took me almost two years to read. What a shame! Bossman was released in 2016 and I decided to get it to read because I was stuck in my other reading. As always, Vi Keeland with his good taste brought us this cover with this beautiful model that is Brazilian. Without further ado, I'll tell you a little about what I found of Reese and Chase.

The book is set in New York, and begins in a somewhat funny way, when Reese, is in a terrible encounter where the guy only knows to speak in his mother (we do not want to hear of mother, still more in the first date, don't you? ), and in a "cry" for help she calls her best friend, Jules, to ask her to call pretending an emergency and she can leave without being rude, but Jules will not answer the call. When Reese is finishing his message in the mailbox, a stranger appears to saying that his attitude is snobby. All I know is that Reese panics when the stranger shows up at his desk with his platinum date, pretending to be Reese's childhood friend and invents every story of killing anyone of shame.

The coincidences do not stop there. It turns out that Chase, the stranger, runs into her in a few other places, and she's never alone, and the second time that happens he becomes a very dear cousin of hers and so on. And their conversation, it's a pretty funny thing 😂.

Chase Parker is an ordinary guy, only with his demons. Demons haunt him to this day, making it harder for him to have a more serious relationship with someone. He may be a womanizer, but he is a genius when it comes to women's products and is CEO of a large company in which Reese will work with marketing. The attraction between them is tangible, and all the time Chase provokes Reese, but she does not relate to anyone else's work because of past problems in her old company. Chase feels something for Reese that he himself is afraid to admit, but they live like dog and cat, all the time running from each other (more her than him actually). Will Reese be able to resist the powers of her boss's boss? And will Chase finally be able to get rid of the demons that haunt him, especially when he closes his eyes?
"You have my heart. Promise me you'll keep it safe.Only if you promise never to give mine back."
Bossman is a first-person book that alternates the narrative between the two main characters, and a few Chase chapters back a few years ago in the past showing what destroyed him for love. It shows us that no matter your fears, you an hour will have to face it and especially about second chances in love. You need to get up and get your problem no longer a problem. Vi Keeland know how to measure the funny parts, the hot parts, and even the parts where the drama comes. Nothing was too much trouble, everything at the right point. I hope they can give you an opportunity to read, even more if you read in English or scratch, this is the time to read this novel! Kisses 😗


Compre: Amazon Br | Amazon US | B&N | Kobo

10 comentários

  1. oiee td bem? achei o livro interessante apesar de n curtir mt esse tipo de leitura acho q daria uma chance, bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá, Camila! Tudo bem?
    Eu não conhecia esse e-book, também não conhecia a autora. Eu achei a sua resenha interessante, bem legal o fato de você colocar em dois idiomas, porém eu particularmente não curto o gênero. Vou deixar a sua dica passar!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Oii, tudo bem?
    Eu não conhecia o livro, mas achei super legal você ter postado a resenha em dois idiomas! Não leio muito esse gênero, mas fico feliz que tenha gostado da leitura, tenho certeza que para quem é leitor desse tipo de livro será uma ótima leitura.
    Beijos!
    Meio Wandinha

    ResponderExcluir
  4. Oi camila, não leio em inglês, mas achei engraçado Chase fingir que conhece a Reese. E fico imaginando a confusão quando começam a trabalhar na mesma empresa.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem?
    Gostei bastante da resenha e eu não conhecia esse livro, mas parece ser um livro excelente para passar o tempo e ler entre uma ressaca literária e outra!

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia esse livro gente, gosto muito dessa coisa de CEO/Bad Boy, hahaha. Se tiver oportunidade quero ler pra saber onde essa caça de cão e gato foi parar. Espero curtir tanto quanto você.

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Eu amei a sua ideia de colocar a resenha em Inglês também, infelizmente não é um livro do meu gênero literário favorável, mas caso um dia eu queira sair da zona de conforto irei lê-lo, e vou seguir sua dica, vou ler em inglês! ♥

    → desencaixados.com

    ResponderExcluir
  8. Achei o máximo sua resenha mas tenho certeza que não vai funcionar pra mim, tô cansada de romances asssim! rsrsrs Bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Eu amo os livros da Penélope Ward, e estou louca para ler esse, você sabe se alguma editora já comprou ele? Porque lembro que a Charme anunciou 3 livros mas não lembro quais são, o da Universo sei que é o do médico, e a Planeta também publica ela...
    Enfim, tomara que venha logo, adorei conhecer ele pela sua resenha!

    ResponderExcluir
  10. bem, eu sou péssima pra ler em inglês, e mesmo assim o enredo não me atraiu...tbm não curto capas do gênero... mas imagino que tem partes divertidas que vão agradar fãs do estilo do livro...
    bjs...

    ResponderExcluir

© BLOG TELL ME A BOOK- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por