24 junho 2018

Resenha: Luta Comigo

Livro: Luta Comigo (With in Seattle #2)
Autora: Kristen Proby
Editora: Charme
Páginas: 391

Sinopse: Jules Montgomery está muito ocupada e satisfeita com sua vida para se preocupar com homens, especialmente um como Nate McKenna. Crescer no meio de quatro irmãos lhe ensinou que o mais sensato é ficar longe de homens sexy, tatuados e motoqueiros. Principalmente, se ele for seu chefe. Após participarem de um jantar incrível com os colegas de trabalho, ele violou a política de não confraternização... entre outras coisas, e isso não acontecerá novamente. Jules não vai arriscar sua carreira em troca de sexo alucinante, independente do quanto seu corpo e coração digam o contrário. Nate McKenna não dá a mínima para a política de não confraternização. Ele quer Jules e vai tê-la. As regras que sejam modificadas, ou que se danem. Ele não é o tipo de homem que entra numa briga para perder, e Jules Montgomery está prestes a descobrir como ele reage ao ser ignorado após a melhor noite de sexo que já teve. Ela pode lutar o quanto quiser, mas ele fará de tudo para ficarem juntos. Luta Comigo é o segundo romance da série With Me In Seattle.


Oi gente, tudo bem com vocês? Eu tenho estado um pouco atrasada com as minhas leituras e um tanto travada também e o livro que eu havia escolhido não estava rendendo, então eu resolvi voltar para o meu gênero favorito que é o romance e quando ele vem acompanhado de um pouco de sensualidade então, fica perfeito. Resolvi pegar o "Luta Comigo" que é o segundo na série With Me in Seatlle da maravilhosa Kristen Proby, mas confesso que não foi um romance de arrebatar tanto meu coração, algumas coisinhas me incomodaram na leitura. Vou contar um pouquinho pra vocês ok? Let's go.

Julianne Montgomery é uma jovem obstinada e muito focada no seu trabalho e bastante feliz com o que faz. Além de ter uma beleza única, Julianne, ou melhor, Jules trabalha para um dos caras mais quentes que ela já conheceu em Seattle, Nate McKenna. A empresa tem uma política de relacionamentos entre funcionários, muito rigorosa, então Jules sabe que namorar um colega de trabalho é algo que ela jamais faria a ponto de prejudicar sua carreira sendo demitida. Mas ter uma paixão secreta pelo seu chefe não é problema algum, contanto que apenas ela e sua melhor amiga Natalie saibam. 

Nate McKenna é o chefe reservado, mas também é o cara mais persistente que existe no quesito "quero custe o que custar" e não está nem aí para a política chata da empresa na qual trabalha sobre relacionamentos com outros colegas. Tanto não liga, que em uma certa noite ele consegue convencer Jules a ir até seu apartamento para alguns drinks depois de conseguirem fechar uma conta para a empresa. E aí tudo o que parecia não ser possível acontece, e eles dois tem uma noite quente e maravilhosa de prazer. Como será no dia seguinte para ambos disfarçarem que nada aconteceu? Mas aparentemente eles conseguem, pois oito meses se passam após essa noite que tiveram, mesmo que Jules e Nate não tenham esquecido e a tensão sexual entre eles é palpável e resolvem chutar o balde novamente e voltam a se encontrar.
"Você me faz querer coisas que eu nunca quis antes."
Durante todo o livro nós vemos o quanto os dois gostam de estar na presença um do outro, e nós vemos que Nate tem muito mais em seu coração do que demonstra diariamente como um chefe reservado. Dono de algumas tatuagens e um piercing pra lá de inusitado (ou não?), Nate e Jules tem uma relacionamento de cumplicidade mas ao mesmo tempo de sexo ardente. Um dos pontos que me incomodaram, por mais que eu adore a parte erótica dos livros, é que teve um pouco de sexo demais. Acabava uma cena de sexo e duas páginas depois tinha mais sexo, e acabou se tornando um pouco repetitivo fazendo com que o enredo do livro pro final ficasse um pouco corrido demais. Os personagens em si foram muito bem estruturados, com todas as suas inseguranças, seus problemas de relacionamentos passados inacabados e os personagens secundários que sempre se destacam. "Luta Comigo" é um livro com aquele típico clichê entre chefe e funcionária que nos faz suspirar, ter raiva, querer pegar o mocinho ou a mocinha no colo... mas não deixa de ser um ótimo livro. O amor deles dois é sincero e espontâneo, vocês vão gostar!
"Ninguém nunca vai saber a força do meu amor por você. Afinal, você é o único que conhece o som do meu coração por dentro."



Compre: Loja Charme | Amazon | Saraiva




10 comentários

  1. Oi Camila, tudo bem?

    Não conhecia o livro, mas pela sua resenha fiquei bem curiosa, pois é um gênero que gosto e leio rapidamente. Talvez as cenas de sexo em excesso me incomodassem um pouco, mas, mesmo assim, quero muito ler!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Esse não é meu género favorito, mas daria uma chance a ele pela resenha e sinopse, a capa não me atraiu tanto.

    ResponderExcluir
  3. Até entendo que um livro hot precise de cenas de sexo, mas é preciso saber dosar para não ficar além do necessário.
    Bjos Rose

    ResponderExcluir
  4. Ola, tudo bem?
    Ainda não conhecia o livro, adoro livros hot, e vou anotar aqui, adorei a resenha!!
    Beijus

    ResponderExcluir
  5. Oiii Camila

    Te confesso que não é meu tipo de livro, acredito que pra curte esse gênero sim deve ser uma dica bem interessante, mas eu sempre acabo me cansando de leituras assim, acho que meu negócio é fantasia mesmo....rsrs, fico feliz em saber que vc gostou.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas confesso que não é meu estilo de leitura. Logo na resenha já me incomodou essa questão de "ele a quer e vai tê-la", porque detesto esse tipo de mocinho que não aceita um não e fica insistindo até conseguir. Acho que livros assim romantizam comportamentos que na vida real não são legais e precisam ser combatidos. Além disso, saber que o livro tem tantas cenas de sexo me incomoda, pois acredito que fique repetitivo mesmo e que ainda quebra o ritmo e o desenvolvimento da história.
    De qualquer forma, adorei sua resenha e fico feliz que, apesar das ressalvas, você tenha gostado da leitura.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Olá, confesso que não conhecia o livro mas não me interessei.. nao sou muito de ler romances principalmente carregados de cenas hot mas fico feliz que tenha gostado da leitura e a resenha ficou muito boa!

    Beijos,

    ResponderExcluir
  8. Olha, não curto cenas de sexo em livros, se você chegou a achar que nesse ainda foi demais certeza que não vou mesmo tentar ler. De qualquer maneira, não é mesmo o tipo de leitura que costumo fazer. Mas que bom que mesmo assim gostou e achou sincero e espontâneo o amor entre os protagonistas, isso é sempre importante!

    ResponderExcluir
  9. Olá, eu lembro de ter lido esse livro há alguns anos e gostado bastante, especialmente por o mocinho não ser um mala mandão, rsrs. Sobre as cenas de sexo, confesso que nem lembro o que achei delas.

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?

    Eu sinceramente não conhecia o livro e a autora, particularmente eu não gosto de livros do gênero romance erótico, também não curto muito livros com cena de sexo, não é o meu tipo de leitura. Gostei da resenha e fico feliz que tenha curtido a leitura.
    Abraço,
    Yvens

    ResponderExcluir

© BLOG TELL ME A BOOK- TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | Design e Programação por